domingo, 1 de julho de 2007

A greve acabou. E o blog?

Durante todo o período de greve, o blog Greve Não É Férias, criado pela comissão de comunicação do movimento, foi uma ferramenta muito importante para manter a comunidade acadêmica e a imprensa local informadas sobre os desdobramentos que ocorriam no Estado de São Paulo, e mais especificamente na Unesp de Bauru.

Com 32.190 visitas desde sua criação, o Greve Não É Férias finalmente supriu a falha de comunicação que o movimento estudantil da Unesp de Bauru sempre teve. O blog nunca escondeu seu posicionamento, mesmo assim adquiriu um alto nível de credibilidade, chegando a ser citado nos meios de comunicação da cidade de Bauru e nos e-mails enviados aos alunos pelos diretores das faculdades.

A greve acabou, mas o movimento estudantil não vai desperdiçar o aprendizado adquirido com o blog Greve Não É Férias. Continuaremos utilizando essa forma de comunicação que se mostrou muito eficiente. Não sabemos se outro blog será criado ou se vamos manter o Greve Não É Férias, só temos a certeza de que o canal de comunicação do movimento estudantil da Unesp de Bauru continuará aberto.

5 comentários:

ducguedes disse...

(...)A greve acabou, mas o movimento estudantil não vai "disperdiçar" o aprendizado adquirido com o blog Greve Não É Férias.(...)

Não seria "dEsperdiçar"?

Luiz Augusto disse...

É preciso fazer uma reunião para articularmos o movimento agora em julho. Imagino dia 05/07 (agora quinta-feira) às cinco e meia da tarde na sala 54. Obrigado, Goiaba.

Greve Não É Férias disse...

Erro corrigido, Guedes.

Turollo disse...

Parabéns pros moderadores do blog ae! Não sabia que tinha tido tanto acesso assim!

Precisamos marcar uma reunião essa semana pra conversarmos sobre o movimento daqui pra frente, com toda a galera que participou do movimento Greve Não É Férias.

Concordo com o Goiaba. Pode ser às 5:30 na 54 na quinta-feira. Alguém mais vai?

GABRIEL RUIZ disse...

Muito bom realmente, pûde acompanhar de perto o ótimo trabalho realizado.

Quanto ao comentário do Goiaba, assino em baixo, penso tbm que seja extremamente importante a articulação.